terça-feira, 15 de maio de 2018

PONTOS DE EXU

1- Ó luar, ó luar (ó luar)
Todos são filhos da Lua
Oi saravá as Pomba giras
Seu Marabô e Tranca Ruas.


2- Soltei meu pombo lá nas matas
Foi na pedreira e não pousou
Mas foi pousar na encruzilhada
E exu saravou
Mas foi pousar na encruzilhada
E pomba gira saravou
Mas ela vai girar auê.


3- Ê qua, qua, qua 
Que linda risada 
Que exu vai dar
Que linda risada 
Que exu vai dar
De qua, qua, qua.


4- Tava curiando na encruza
Quando a banda me chamou
Exu na encruza aí
No terreiro ele é doutor
Exu vence demanda 
Exu é curado. 


5- O sino da igrejinha
Faz Belém blem blom (bis)
Deu meia noite o galo já cantou
Todos exus/As pomba giras são donos da gira (bis)
Oi corre gira que Ogum mandou.


6- Santo Antonio de batalha
Faz de mim trabalhador (bis)
Corre gira a Padilha
A Mulambo e Marabô (bis).


7- O garfo de exu é firme
A capa de exu me rodeia
Passei pela encruzilhada
Exu não bambeia.


8- Santo Antonio pequenino
Botou fogo no paiol ô ganga
Exu pisa no toco de um galho só (2x)
O galho balança, exu não cai
Ô ganga.


9- Serra a madeira e serra o pau
Se serra o pau serra o tronco também
Me dá licença
A encruzilhada o cemitério
E a figueira também.


10- Cemitério é praça linda
Ninguém quer lá passear
Catacumba é casa branca
Casa de exu morar.

11- Exu que tem duas cabeças
Ele olha sua banda com fé
Uma é satanás no inferno
A outra é de Jesus Nazaré.


12- Exu caninana
Quem te mandou, caninana
Foi a Maria Padilha (caninana)
Foi seu marabô (caninana)
Foi Maria Mulambo (caninana)
Foi quem me chamou (caninana).

13- Quando o galo canta
As almas se levantam
E o mar ecoa
Os anjos do céu dizem amém
E o pobre lavrador diz aleluia
Diz aleluia, diz aleluia
Seu Marabô, diz aleluia (bis)
Diz aleluia diz aleluia
Dona Mulambo diz aleluia.

14-Sete porteiras,
Sete encruzilhadas
Exu é da banda cruzada
Auê é banda cruzada.


15- Na beirada do caminho
Este congá tem segurança
Na porteira tem vigia
Meia noite o galo canta.

16- Exu fez uma casa, sem porteira e sem janela 
Exu fez uma casa, sem porteira e sem janela 
Ainda não achou, morador pra morar nela.

17- A sua casa não tem parede,
Não tem janela e não tem nada
Aonde é, aonde é que exu mora?
Exu mora na encruzilhada.

18- Ogum exu pede licença pra seu povo ele arriar
Mas ele é o exu guerreiro
Vem trazendo força pra esse terreiro.

19- O luar brilhou na mata
Gato miou na encruza 
É exu meu camarada
Ninguém com ele abusa.


20- Passei pela encruza a meia noite
Um assovio ouvi e gritei 
Saravá todo povo da encruza
Seu exu nessa hora me valei.

21- Quem pensa que o céu é perto
Nas nuvens não vai chegar
Exu está rindo
Do tombo que vai levar.

22- Quem ri na encruza é rei
Quem brilha no céu é a lua
Exu baixou nessa banda 
Dando suas gargalhadas
Saravando sua rua.

23- Boa noite, boa noite
Exu tá no reino e vai dar boa noite
Boa noite, boa noite
Exu vem saravá e me dar boa noite.

24- Meu Senhor do Campo Santo
Nas horas santas benditas
Quem louva povo de exu
Não passa horas malditas.

25- Boa noite meu senhor
Exu no reino chegou
Vamos louvar nossa quimbanda
Viva exu que é doutor.

26- Exu chegou no reino
Meu Deus quero ver quem é
Com licença de Ogum
Chegou meu Exu de fé.

27- Eu fui no mato, oh ganga
Colher cipó
Eu vi um bicho, oh ganga
De um olho só

Nenhum comentário:

Postar um comentário